Últimas

Apenas um doente com coronavírus permanece internado na Madeira

Apenas um dos 21 doentes infectados com o novo coronavírus na Madeira encontra-se ainda internado na unidade de isolamento do Hospital Dr. Nélio Mendonça, dado que o seu estado de saúde requer cuidados diferenciados, embora sem necessidade de cuidados intensivos.

Uma revelação feita esta tarde pela vice-presidente do IASAÚDE, Bruna Gouveia, na conferência de imprensa de balanço, que teve também a presença do secretário regional da Saúde e Protecção Civil, Pedro Ramos.

Os outros 20 doentes estão em isolamento domiciliário, 16 nas suas residências e os quatro cidadãos holandeses num piso independente da Quinta do Lorde.

O novo caso na Região é um cidadão madeirense proveniente de França, que chegou à Região no dia 8 de Março, mas que apenas desenvolveu sintomas mais recentemente.

Há ainda dois casos a aguardar resultado laboratorial, nomeadamente de dois turistas chegados hoje à Madeira e que, por apresentarem sintomas no aeroporto, nomeadamente temperatura elevada, foram transportados para o hospital.

Ao todo são 13 mulheres e oito homens infectados com o covid-19: além dos quatro holandeses, todos os outros residem na Região, dois no concelho da Ponta do Sol, quatro em Câmara de Lobos e os restantes no Funchal.

Até ao momento foram identificados 124 casos suspeitos, dos quais 103 resultaram em testes negativos.

895 pessoas encontram-se sob vigilância activa, entre os quais 14 profissionais de saúde – três médicos, nove enfermeiros e dois de outras classes profissionais. Regista-se um decréscimo relativamente a ontem, já que cinco destes profissionais cumpriram o período de quarentena sem apresentar sintomas e estão de regresso ao activo.

Relativamente aos passageiros que desembarcaram nos aeroportos da Madeira, 80 pessoas estão em quarentena, 55 na Quinta do Lorde e 25 no Hotel Praia Dourada. De todos os passageiros colocados em quarentena na Quinta do Lorde e submetidos a testes (135), apenas um acusou positivo para coronavírus.

Hoje chegaram à Madeira 65 passageiros num voo TAP, dos quais 53 estão na Quinta do Lorde a cumprir quarentena e dez seguiram para casa, devido a problemas de saúde, sendo a sua situação acompanhada à distância. A estes juntam-se os dois casos que apresentavam sintomas e seguiram para o isolamento no hospital.

Em auto vigilância estão, nesta altura, 1578 pessoas.

Relativamente à linha SRS24, hoje foram registadas 89 chamadas, totalizando agora 3.962.

Artigos Relacionados

Close